Publicado em Bebê Hora da Soneca em 29/08/2018

Um dos maiores desejos das mamães e papais de primeira viagem é conseguir aprender como fazer o bebê dormir sozinho em seu próprio quarto, sem que ele precise ficar muito tempo no colo para pegar no sono. A partir dos 6 ou 7 meses de idade, os pequenos já podem começar a dormir sozinhos, mas antes disso o ideal é ir acostumando-os aos poucos para que não haja tanto estranhamento.

Segundo nova pesquisa divulgada pela Academia Americana de Pediatria (AAP), o recomendado é que o bebê durma no mesmo quarto que os pais, no berço, pelo menos até os seis meses de vida. Esse estudo se baseia em pesquisas que mostram que estar próximo à mãe facilita a amamentação e reduz os riscos de morte relacionados com o sono, como a síndrome da morte súbita do lactente (SMSL). “Entre o período do nascimento até os seis meses existe um risco maior da criança ter alguma intercorrência como um refluxo gastroesofágico ou dela se atrapalhar quando está respirando ou engolindo”, aponta aneuropediatra e membro do Departamento de Medicina do Sono da Sociedade de Pediatria de São Paulo (SPSP) Márcia P. Hallinan.

Nesse período de transição, muitos pais se sentem inseguros e cheios de dúvidas porque os bebês não estão mais ali no seu campo de visão. Como colocá-los para dormir? Como devo agir? Qual a melhor posição? O que não devo fazer? Para te ajudar com essas questões, separamos algumas dicas essenciais para você aprender como fazer o bebê dormir sozinho:

Hora de colocar no berço

No momento de colocar a criança no berço, o ideal é que as mamães e papais coloquem os bebês para dormirem quando estiverem mais calmos e sonolentos, pois assim eles dormirão mais rápido. “Entre os 20 e 30 minutos antes de colocá-los para dormir, sempre no bercinho deles, em um ambiente arejado, comece dando uma rotina para a criança ou um ‘amiguinho de dormir’, conhecido como atrativo tátil. O ideal é que o objeto tenha uma textura que a criança goste de manipular e se distraia enquanto a mãe amamente […] Isso faz com que o bebê comece a perceber a diferença entre o estar acordado com o horário de dormir”, acrescenta Hallinan.

O que fazer quando o bebê começa a chorar?

Neste período de transição, é normal que os bebês estranhem as mudanças de rotina e não aceitem muito bem no começo. Por isso, o choro é um reflexo e uma forma deles se comunicarem e chamarem a atenção para algo que nem sempre sabem o que é, mas tem noção de que fazendo isso um adulto irá aparecer. Por isso, é muito importante deixar claro para o bebê que você não está indo até o berço só por causa disso. De acordo com Márcia Hallinan,“os pais não devem desistir que as crianças entrem no sono por elas mesmas. Por exemplo, só pegue a criança quando ela realmente se desesperar, gritar e perder o fôlego. Caso o contrário, não pegue a criança no colo, porque assim ela vai ter em mente que sempre agindo dessa forma vai ter o que deseja”, conclui a neuropediatra.

Meu filho só quer dormir no colo. E agora?

Dê a criança a chance de aprender sozinho. Encontrar o equilíbrio ideal para ele e para você é fundamental. Istoé, não corra para o quarto a cada barulho. Ele vai descobrir como se acalmar sem a sua ajuda. “O recomendado é não ninar a criança. Muitos pais gostam dessa técnica porque costuma acalmar os pequenos, mas o ideal é deixar para fazer isso durante as sonequinhas do dia a dia. Fazendo desta maneira a criança não aprenderáa dormir sozinha, e sim dormirápelo balanço e movimento que faz com que ela fique sonolenta”, conclui Hallinan.